Como Se Posicionar Bem no Google? 6 Dicas Para Dominar o Ranking

Tempo de leitura: 9 minutos

Se você tem um site ou blog, então imagino que você já tenha se perguntado como se posicionar bem no google.

Digo isso porque acredito que se alguém se esforça para criar um conteúdo incrível, a última coisa que quer é vê-lo cair no esquecimento.

Você não quer ver seus conteúdos ignorados como milhares de outros na internet que sequer recebem uma simples visita por mês. Quer?

Se você respondeu não a esta pergunta, então fica comigo até o fim deste artigo que nele eu vou te entregar 6 dicas poderosas de como se posicionar bem no google e dominar as primeiras posições do ranking.

Preparado? então vamos lá!

Dica 01- Aprenda a escolher palavras chaves 

Acredito que um dos maiores erros de quem está iniciando um blog é escolher palavras chaves para as quais ainda não se tem força e nem autoridade para se posicionar.

É comum nos sentirmos atraídos por palavras que possuem um enorme volume de buscas, afinal de contas, seria maravilhoso receber todo esse volume de tráfego no site concorda?

No entanto, essa não é a métrica em que você precisa focar num primeiro momento.

O volume de busca de uma palavra não é o fator determinante para a escolha da sua palavra chave, principalmente se você estiver iniciando.

Geralmente, palavras que possuem grandes volumes de buscas são extremamente concorridas e difíceis de se posicionar. São as famosas palavras chaves de cauda curta ou também chamadas de head tails.

De forma simples, as palavras head tails são aquelas que possuem até 2 termos. Um exemplo disso é o termo marketing digital.

Para quem está começando um blog, o ideal é que o foco esteja em palavras chaves de cauda longa também chamadas de long tails que são aquelas que possuem 3 ou mais palavras.

Apesar dessas palavras possuírem um volume de busca menor, são elas que são responsáveis por mais de 70% de todo o tráfego na internet.

Portanto, são nessas palavras que devem estar o seu foco e seu empenho. Veja um exemplo disso:

Exemplo de escolha de palavra chave

Digamos que você queira escrever um artigo sobre bolo de chocolate. Fazendo minhas pesquisas, percebi que o volume de buscas dessa palavra é de aproximadamente 823.000 por mês.

Porém, como já citei antes, é provável que a concorrência por essa palavra seja enorme e que grandes sites que já estão a bastante tempo no mercado e que já possuem uma grande autoridade estejam brigando por ela.

Logo, o que você deve fazer é procurar por variações dessa palavra que tenham a cauda mais longa, ou seja, que possuam um número maior de termos.

Alguns exemplos disso seria:

  1. Como fazer bolo de chocolate
  2. Como fazer bolo de chocolate fofinho
  3. Receitas simples de bolo de chocolate

Quanto maior for a palavra, mais chances você tem de se posicionar. Mas tome cuidado para não alongar demais, fique na margem de 4 ou 5 termos que está de bom tamanho.

Focar em palavras chaves de cauda longa só irá te trazer benefícios como:

  • Posicionar mais facilmente na primeira página do google
  • Evitar a alta concorrência sem perder tráfego qualificado
  • Aumento no número de conversões seja em vendas ou leads
  • Diminuição na taxa de rejeição
  • E muito mais

Ainda está em dúvida? Faça o teste e veja como em poucas semanas você conseguirá ver um aumento no tráfego do seu site devido às melhores posições que irá conquistar no google.

Dica 02- Otimize seus artigos corretamente

Um fator ainda muito relevante para se posicionar bem no google é a otimização adequada dos seus artigos.

Otimizar o seu conteúdo significa mostrar para o Google sobre o que ele se trata para que assim ele possa entregá-lo durante uma busca.

Portanto, é algo que você precisa estar atento. Existem algumas técnicas que você pode aplicar para concluir com sucesso essa tarefa.

Mas não se preocupe, pois, fazer essa otimização não é nenhum bicho de 7 cabeças.

Para te ajudar com essa parte vou recomendar que leia o conteúdo como otimizar um artigo da forma correta – checklist completo. 

Nele você encontrará de forma mais detalhada todo esse passo a passo. Tudo bem?  Vamos seguir adiante!

Dica 03- Aposte Na Estratégia de Guest Posts

Não é segredo pra ninguém que link building ou backlink é um dos fatores mais relevantes para o google no quesito posicionamento.

Se você quer que o seu domínio ganhe cada vez mais força para se posicionar no Google, você precisa receber links externos.

Ter outros sites fazendo links para o seu é importantíssimo e de jeito nenhum isso pode ser ignorado.

Uma das formas mais comuns de se conseguir esses links externos é fazendo parcerias de guest posts.

Os guest posts são parcerias muito favoráveis para ambos os lados. Quem recebe o guest post mostra para o google que está preocupado com a experiência do usuário.

E eu diria que essa experiência está no topo das preocupações do Google. Tudo que ele mais deseja é oferecer a melhor experiência possível.

Se o Google percebe que determinado site tem essa preocupação, então este site passa a ter grande valor.

Já quem cria o guest post recebe um backlink para o próprio site. Quando alguém faz um link para o seu site é como se estivesse dizendo: eu confio nesse site e você também pode confiar.

Como Se Posicionar Bem no Google

Além disso, esse link pode trazer novos visitantes para o seu blog e te dá a chance de impactar novas audiências.

Portanto, só tem vantagens. Para conseguir essas parcerias procure por outros blogs do seu nicho e entre em contato fazendo a sua proposta.

Defina um tema e pergunte se o dono desse blog tem interesse em receber esse conteúdo em um post convidado. Tenho certeza de que você terá retorno.

Com isso, sem dúvida, você terá muito mais facilidade de posicionar seu site no google.

Dica 04- Cuide da experiência do usuário

Como esse é um um fator de posicionamento muito importante, decidi falar sobre ele em um tópico específico.

Cuidar da experiência do usuário significa basicamente fazer com que ele encontre em seu site aquilo que ele está buscando e da melhor maneira possível.

Quando você escolhe uma palavra chave para um artigo, por exemplo, você deve buscar entender o que uma pessoa quer encontrar quando usa essa determinada palavra chave no google.

Você deve tentar entender que problema, dúvida ou dor ela busca solucionar porque apenas assim você conseguirá criar o melhor conteúdo para ela.

Ignorar isso é como dar um tiro no pé e a razão é muito simples.

Se muitas pessoas clicam no seu artigo e não encontram o que elas estão buscando, elas rapidamente clicam no botão voltar.

Esse comportamento dos seus visitantes sinaliza para o Google que seu conteúdo não está cumprindo seu papel de ser útil,  gerar valor e solucionar um problema.

E para o google se um conteúdo não cumpre seu papel, ele torna-se irrelevante e isso sem dúvida pode tirar sua chance de ficar bem posicionado.

Além de estar atento a essa intenção de busca, existem ainda outros fatores que compõem a experiência do usuário como a navegabilidade e a responsividade.

Vamos falar desses 2 que são também decisivos para posicionar seu site no google.

Dica 05- Ofereça uma boa navegabilidade em seu site

Quando falamos de navegabilidade, estamos falando da facilidade que os seus visitantes têm para acessar novas páginas no seu site, ou seja, a facilidade que ele possui para navegar de uma página para outra.

Se o seu site não possui uma boa navegabilidade, é comum que seus usuários passem a buscar informações em outros sites aumentando assim sua taxa de rejeição.

Sem contar que isso afeta bastante a sua estratégia de SEO. Mas fique tranquilo, pois você pode adotar algumas estratégias simples para melhorar essa navegabilidade.

Primeiro: aposte nos links internos.

Uma excelente forma de facilitar a navegação no seu site é inserir links que direcionam seus visitantes para outros artigos do seu blog que possam complementar ainda mais o conhecimento dele.

É uma estratégia simples, fácil de aplicar e que diminui muito sua taxa de rejeição.

Outra estratégia é mostrar posts relacionados ao final de seus artigos. A maioria dos temas pagos para wordpress já oferecem esse recurso de forma nativa. É só ativar.

Caso seu tema não possua, você pode instalar plugins que tem essa função de posts relacionados e pronto problema resolvido.

Além disso, você também pode colocar caixas na sidebar do seu blog com os posts mais acessados, as últimas novidades do blog e muito mais.

Tudo isso irá contribuir para a melhora da navegação no seu site. Pode apostar.

Dica 06 – Torne seu site responsivo

Tornar o seu site responsivo significa torná-lo adaptável a qualquer formato de tela, seja ela de smartphone, tablet ou computador.

Atualmente esse é um fator obrigatório para qualquer site que queira ter sucesso. Caso contrário, você sem dúvida nenhuma será ignorado pelo Google.

De acordo com o as pesquisas, mais de 50% do tráfego global da internet é feito via mobile e por essa razão o google tem dado mais relevância aos sites que cumprem ao requisito da responsividade.

Sabe aqueles sites que você acessa através do seu celular e tudo parece estar fora do lugar, as letras ficam super pequenas e as imagens não se adequam ao tamanho da tela?

Bom, isso é exatamente o que você precisa evitar no seu. A boa notícia é que você pode conseguir oferecer responsividade ao seu site de forma muito simples.

Hoje, a maioria dos temas para wordpress já são criados para se adaptar aos diferentes tamanhos de tela. O tema que uso em meu blog é um grande exemplo disso.

Ele traz navegabilidade, responsividade e diversos outros recursos que tornam o site extremamente profissional.

Se quiser utilizá-lo em seu site também é só clicar aqui.

Essas 6 dicas são extremamente simples e podem começar a ser aplicadas ainda hoje. Comece a fazer suas adaptações e veja como elas podem fazer toda diferença no posicionamento do seu site.

Qualquer dúvida é só comentar aqui abaixo.

Conteúdo produzido em parceria com Rafhaella Martini, do Blog Quero Home Office

Como Se Posicionar Bem no Google

1 comentário


  1. Uma beleza! Tudo que alguém que deseja conhecer bem marketing digital precisa. Excelentes indicações, artigos bacanas,disseca o assunto!

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *